Peñarol

De Porcopedia - A Enciclopedia do Palmeiras

Tabela de conteúdo

Clube

Nome do Clube: Club Atlético Peñarol
Cidade: Montevidéu Uruguai
Data de Fundação: 28 de setembro de 1891
Estádio: José Pedro Damiani e Campeón del Siglo
Mando: Centenário e Campeón del Siglo
Site: http://www.capeñarol.org/
História: O Central Uruguay Railway Cricket Club foi fundado em 28 de setembro ed 1891 por trabalhadores da Central Uruguay Railway Company of Montevideo, companhia inglesa que operava no Uruguai desde 1878. Devido ao extenso nome, o clube ficou conhecido como CURCC ou Peñarol, em referência a localidade onde ficavam as instalações do clube. Naquela época, Peñarol ficava a 10km de Montevidéu, e hoje é um bairro montevideano. Em 1892 o CURCC incorporou o futebol em suas práticas esportivas, deixando relegado o Rugby e o Cricket, esportes predominantes até o momento. Em 12 de março de 1914 o CURCC muda oficialmente seu nome para Club Atlético Peñarol. Desde o princípio suas cores foram o amarelo e o preto, copiadas da locomotiva a vapor Rocket. Contra o rival Nacional, joga o clássico mais importante do Uruguai e um dos mais famosos do mundo. Apesar de possuir estádio próprio, o José Pedro Damiani, manda seus jogos no Estádio Centenário, com capacidade para 76.000 torcedores, pois seu estádio é pouco utilizado para jogos oficiais, uma vez que sua capacidade é de apenas 18.000 torcedores. Insuficiente para atender a média de 30.000 para uma partida no campeonato uruguaio.


Estatísticas

Retrospectos

Geral

Confronto Jogos Vitórias Empates Derrotas Gols Feitos Gols Sofridos Saldo de Vitórias
Palmeiras x Peñarol 23 11 9 3 31 17 +8


Por Torneios

Campeonatos Jogos Vitórias Empates Derrotas Gols Feitos Gols Sofridos Saldo de Vitórias
Libertadores 10 7 1 2 17 10 +5
Torneio Mar del Plata 2 2 0 0 7 1 +2
Copa Parmalat 2 0 2 0 1 1 0
Taça Charles Miller 1 0 1 0 2 2 0
Troféu Ademir da Guia 2 1 1 0 2 1 +1
Copa IV Centenário do RJ 1 0 1 0 0 0 0
Taça Peñarol Brasil-Uruguai 2 1 1 0 2 1 +1
Taça do Atlântico 1 0 0 1 0 1 -1
Amistosos 2 0 2 0 0 0 0


Por Mando

Como Jogos Vitórias Empates Derrotas Gols Feitos Gols Sofridos Saldo de Vitórias
Mandante 8 5 3 0 14 7 +5
Visitante 13 6 4 3 17 10 +3
Neutro 2 0 2 0 0 0 0


Por Estádios

Campeonatos Jogos Vitórias Empates Derrotas Gols Feitos Gols Sofridos Saldo de Vitórias
Centenário 12 5 4 3 14 8 +2
Palestra Itália 4 3 1 0 7 2 +3
Pacaembu 3 1 2 0 4 3 +1
Allianz Parque 1 1 0 0 3 2 +1
Campeón del Siglo 1 1 0 0 3 2 +1
Ennio Tardini 1 0 1 0 0 0 0
Maracanã 1 0 1 0 0 0 0
Última Atualização: 29 de abril de 2017


Primeiro Jogo

No Uruguai

Peñarol 1 x 0 Palmeiras
Juíz: José Forte
Renda: Cr$ 26.433,00
Palmeiras: Oberdan; Caieira e Turcão; Og Moreira (Mantovani), Túlio e Waldemar Fiúme; Lula, Arturzinho, Neno (João Pinto), Canhotinho e Lima. Técnico: Ventura Cambon
Gols: Obdulio Varela (45') do 2º tempo


No Brasil

Palmeiras 2 x 2 Peñarol
Juíz: João Santos Marques
Renda: Cr$ 644.565,00
Palmeiras: Laércio; Manoelito e Waldir; Belmiro, Tocafundo e Gérsio; Renato (Moacir), Liminha, Nei, Ivan e Rodrigues. Técnico: Cláudio Cardoso
Gols: Hohberg (44') e Rodrigues (45') do 1º tempo; Borges (04') e Nei (13') do 2º tempo


Último Jogo


Peñarol Palmeiras
Copa Libertadores
4ª rodada
26 de abril de 2017
4ª-feira
21h45
Uruguai Peñarol 2 x 3 Brasil Palmeiras Estádio Campeón del Siglo, Montevidéu Uruguai
Público n/d
Renda n/d
Árbitro Enrique Cáceres Paraguai
Assistentes 1 Eduardo Cardozo Paraguai
Assistentes 2 Juan Zorrilla Paraguai
Mauricio Affonso (12') do 1ºt
Junior Arias (38') do 1ºt
Gol Willian (03') do 2ºt
Yerry Mina (17') do 2ºt
Willian (27') do 2ºt
1.Gastón Guruceaga; 15.Hernán Petryk (42'2ºt16.Diego Rossi), 30.Yefferson Quintana, 24.Iván Villalba e 27.Lucas Hernández; 5.Marcel Novick (34'2ºt11.Nicolás Dibble), 25.Nahitan NándezCapitão 14'1ºt, 22.Alex Silva05'2ºt (15'2ºt4.Ángel Rodríguez) e 7.Cristian Rodríguez; 26.Mauricio Affonso e 9.Junior Arias.
Técnico: Leonardo Ramos
Reservas 12.Kevin Dawson, 2.Maximiliano Perg, 13.Fabián Piriz, 4.Ángel Rodríguez, 10.Matías Mier, 11.Nicolás Dibble, 16.Diego Rossi
1.Fernando PrassCapitão; 26.Yerry Mina, 3.Edu Dracena15'2ºt e 4.Vítor Hugo (Intervalo29.Willian); 2.Jean, 30.Felipe Melo14'1ºt, 18.Alejandro Guerra e 6.Egídio (Intervalo8.Tchê Tchê); 15.Michel Bastos35'2ºt, 23.Roger Guedes (44'2ºt27.Keno) e 12.Miguel Borja22'1ºt.
Técnico: Eduardo Baptista

Reservas 24.Vinícius Silvestre, 11.Zé Roberto, 8.Tchê Tchê, 21.Thiago Santos, 20.Raphael Veiga, 29.Willian, 27.Keno


Curiosidades

Maiores Goleadas

O Palmeiras goleou o Peñarol em 1972 por 5x1, no Torneio Mar del Plata.


Placares

O placar de 0x0 ocorreu 5 vezes. Os placares de 2x0 e 1x0 se repetira 4 vezes.


Maiores Tabus

Maior tabu Palmeiras: 10 jogos (1968-1994)
Maior tabu Peñarol: 5 jogos (1961-1965)
Maior série de vitórias do Palmeiras: 6 jogos (1968-1973)
Maior série de vitórias do Peñarol: 1 jogo


Maiores Públicos

  • 9999 (xx/xx/xx)


Quem Mais Jogou

Jogos
Jogador(es)




Os Vira-Casacas

Todos os jogadores que atuaram pelas duas equipes


Jogos

Todos os jogos contra o Peñarol


Artilheiros

Gols
Artilheiro(s)
4 Fedato
3 Leivinha
Tupãzinho
Willian
2 Marcelo Ramos
Nei
1 César Maluco
Dudu
Dudu
Fabiano
Jair Rosa Pinto
Jean Carlo
Lima
Yerry Mina
Nardo
Nei Oliveira
Neném
Reginaldo
Rodrigues Tatu

Ferramentas pessoais